sexta, 20 de julho de 2018

Manual de Boas Práticas na Alimentação Escolar

Manual de Boas Práticas na Alimentação Escolar

por Rebrae 23/01/18

De acordo com a Resolução RDC nº 216/2004, que dispõe sobre Regulamento Técnico de Boas Práticas para Serviços de Alimentação:

4.11.1 Os serviços de alimentação devem dispor de Manual de Boas Práticas e de Procedimentos Operacionais Padronizados. Esses documentos devem estar acessíveis aos funcionários envolvidos e disponíveis à autoridade sanitária, quando requerido. 

2.11 Manual de Boas Práticas: documento que descreve as operações realizadas pelo estabelecimento, incluindo, no mínimo, os requisitos higiênico-sanitários dos edifícios, a manutenção e higienização das instalações, dos equipamentos e dos utensílios, o controle da água de abastecimento, o controle integrado de vetores e pragas urbanas, a capacitação profissional, o controle da higiene e saúde dos manipuladores, o manejo de resíduos e o controle e garantia de qualidade do alimento preparado. 

Portanto, cada estabelecimento, no caso cada escola, deve ter um Manual específico.

Segundo a Resolução do CFN nº 465/2010, cabe ao Nutricionista do PNAE, entre outras atribuições:

XI – Elaborar e implantar o Manual de Boas Práticas para Serviços de Alimentação de Fabricação e Controle para UAN;

Para auxiliar o nutricionista, o CECANE UFRGS, em parceria com CECANE UNIFESP e FNDE, desenvolveu uma ferramenta para auxiliar os nutricionistas do PNAE na elaboração do Manual de Boas Práticas.

Ela está disponível no site da REBRAE “Ferramentas para as Boas Práticas na Alimentação Escolar“, bem como o Guia de Instruções Ferramentas para as Boas Práticas na Alimentação Escolar

 



Ver todas as notícias


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/rebraecom/public_html/wp-includes/functions.php on line 3743