quarta, 23 de agosto de 2017

Secretaria da Educação de Santa Catarina assina contratos com 30 cooperativas da Agricultura Familiar

Secretaria da Educação de Santa Catarina assina contratos com 30 cooperativas da Agricultura Familiar

por Rebrae 27/06/17

A Secretaria de Estado da Educação de Santa Catarina (SED), assinou, no início do mês de junho, contratos com 30 Cooperativas de Agricultores Familiares, para fornecimento de gêneros alimentícios para a alimentação escolar dos mais de 525 mil alunos da Rede Estadual de Ensino. Com a assinatura, o Governo do Estado irá investir em 2017, cerca de R$ 16 milhões. Cerca de 4 mil famílias que vivem no campo serão beneficiados com a compra.

“Esta medida tem como objetivo melhorar ainda mais a qualidade das refeições servidas, tendo em vista que ela estimula a produção e o consumo de produtos adquiridos nas comunidades do entorno das escolas, além de promover o desenvolvimento sócio-econômico dos pequenos agricultores e suas organizações como, por exemplo, as cooperativas de agricultores familiares”, explica o diretor de Articulação com os Municípios, Osmar Matiola.

A compra de gêneros alimentícios, diretamente da agricultura familiar, para a alimentação escolar é uma exigência da lei federal 11.947, de 2009 que exige que pelo menos 30% dos recursos repassados pelo governo federal, para o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), sejam investido pelo Estado na compra de produtos diretamente da agricultura familiar e suas organizações. “Graças ao trabalho árduo da equipe da Secretaria, hoje Santa Catarina ultrapassa esta cota, com a compra de cerca de 40% dos agricultores familiares. O Estado é referência nacional e tem sido exemplo para implantação desta prática em outros estados brasileiros”, destaca Deschamps.

Para o cooperado da Colimar, Antônio Mello, o ato representa o sustento de muitas famílias. “Este e o maior contrato que assinamos este ano e graças a ele não fecharemos nossa cooperativa. Os R$ 240 mil que receberemos com a venda dos nossos produtos mantém viva a nossa cooperativa e garante recurso financeiro para as famílias envolvidas”, afirma.

Pelo primeiro ano uma comunidade quilombola, a Associação Morro do Fortunato, de Garopaba, também fornecerá alimentos, entre eles aipim, batata doce, biscoitos, doces e temperos. “Representamos nesta assinatura todas as comunidades quilombolas do Estado. Este ato representa o desenvolvimento da nossa e o início de uma parceria que pode se estender para outras comunidades”, enfatiza Mercedes Machado, da Associação Morro do Fortunato.

Estiveram presentes da solenidade o secretário adjunto da agricultura, Airton Spies, a delegada do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário de Santa catarina, Keliane Freitas, o presidente da associação das cooperativas Familiar e membro do Conselho Estadual de Alimentação Escolar, Valdenei Cachoeira, e como representante da Assembléia Legislativa o deputado estadual Dirceu Dresch.


Os produtos que estão sendo adquiridos são resultado de três Chamadas Públicas realizadas pela SED:

1 – Chamada Pública 28 – Realizada em oito lotes regionais, cujos produtos destinam-se a todas as escolas com alimentação escolar terceirizada entregues nos depósitos das empresas.

Valor: R$ 13 milhões

Arroz integral, tipo 1., arroz parboilizado tipo 1., biscoito caseiro de milho integral e de laranja, doce de banana e uva, farinha de milho média, de mandioca e de trigo, feijão preto tipo 1, leite integral esterilizado, mel de abelhas, suco integral de tangerina S, de maçã, de uva e de laranja.

Cooperativa Município
1 AURIVERDE CUNHA PORÃ – PR
2 COPROESTE LEBON RÉGIS
3 COOPERTRINTA ARROIO TRINTA
4 CRAVIL RIO DO SUL
5 CONAFOR FORQUILHINHA
6 COLIMAR GOV. CELSO RAMOS
7 COOPERFAVI DONA EMMA
8 COOPER ACROFAMILIAR CAÇADOR
9 ECOFRUTAS RIO DO SUL
10 COOPERDOTCHI RIO NEGRINHO
11 NOSSO FRUTO CRICIUMA
12 COOPERAÇÃO SÃO LUDGERO
13 COOAF MORRO DA FUMAÇA
14 COOPERAQUI QUILOMBO
15 COOPERAL NOVO HORIZONTE
16 SABOR COLONIAL CHAPECÓ
17 COOPERLAF LEBON RÉGIS
18 CONSOL IRINEÓPOLIS
19 CECAF CONCÓRDIA
20 COOAFER ENTRE RIOS
21 COOPER CONTESTADO FRAIBURGO
22 ASSOC. MORRO DO FORTUNATO GAROPABA
23 NOVA ESPERANÇA MARACAJÁ
24 COOPERFAMÍLIA RIO FORTUNA
25 COOFANOVE NOVA VENEZA

2 – Chamada Pública 32 – Produtos destinados a atender o cardápio regionalizado (pinhão, filé de tilápia e maçã) entregues diretamente nas escolas da Grande Florianópolis, Lages, São Joaquim, Xanxerê, Concórdia e Braço do  Norte.

Valor: R$ 575 mil

Cooperativa Município
1 COOPERRICA Capivari de Baixo
2 COOPERFAVI Dona Emma
3 COPAVIDI Videira

3 –  Chamada Pública 41 – Produtos a serem entregues nas escolas indígenas e não terceirizadas.

Aipim congelado, alface, abóbora, banana branca, batata doce e inglesa, carne bovina músculo moído e patinho em cubos, carne suína pernil em cubos, cebola, cenoura,  chuchu, filé de tilápia, frango – peito, coxa e sobrecoxa, iogurte de ameixa e de coco, laranja pera, rio, coroa ou valência, maçã, pão caseiro, pinhão, repolho, tempero verde e tomate

Valor: R$ 2.312.339,84

  Cooperativa Município
1 COOPAVIDI VIDEIRA
2 COOPROESTE LEBON RÉGIS
3 COOPERTRINTA ARROIO TRINTA
4 COOPERFAVI DONA EMMA
5 COONAFOR FORQUILHINHA
6 COOPERRICA CAPIVARI DE BAIXO
7 SABOR COLONIAL CHAPECÓ
8 COOPERLAF LEBON RÉGIS
9 WAGNER E SIMONE TIJUCAS
10 COOPERDOTCHI RIO NEGRINHO
11 COOPERFAMÍLIA RIO FORTUNA
12 NOVA ESPERANÇA MARACAJÁ
13 ASSOC. MORRO DO FORTUNATO GAROPABA
14 COOAFER ENTRE RIOS
15 COOARPA MAFRA
  COOPERRICA CAPIVARI DE BAIXO

 

Fonte: Site do Governo de Santa Catarina, Secretaria de Estado da Educação  – SED. Notícia original: goo.gl/kYftim

Foto divulgação: Helena Marquardt / ADR Ibirama



Ver todas as notícias