O cartão torna mais ágil e transparente a utilização dos recursos federais na aquisição de gêneros alimentícios do Programa Nacional de Alimentação Escolar

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) lançou uma pesquisa sobre a utilização do Cartão PNAE. Atualmente, 70 entidades executoras fazem uso do cartão magnético que torna mais ágil e transparente a utilização dos recursos federais na aquisição de gêneros alimentícios do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). As prefeituras municipais e Secretarias Estaduais de Educação que utilizam o cartão contam com a vantagem de um processo de pagamento mais ágil e com maior controle no uso dos recursos.

Com a pesquisa, a coordenação-geral do PNAE pretende aprimorar o uso do cartão, bem como identificar as maiores dificuldades que as entidades executoras encontram quando o utilizam. As respostas apoiarão o FNDE na melhoria da implantação em outras secretarias e prefeituras de todo o país, bem como no avanço da gestão do programa.

A pesquisa pode ser acessada aqui e deve ser respondida pelos gestores e técnicos das entidades até sexta-feira, 25.